Plágio

Como professora, procuro sempre educar meus alunos em sala e a questão do plágio está atualmente em pauta nas discussões das universidades e escolas. O famoso “Que é que tem?”  é a declaração de falta de ética maior que eu já vi. Uma aluna minha copiou na íntegra uma crônica de Fernando Sabino e me deu como se fosse a genialidade dela que a tivesse produzido. Achei que já havia lido o texto e … pimba! Tiro e queda! Para azar dela, outro aluno resolveu gravar uma locução da mesma crônica no mesmo dia e me trouxe a fita para que eu a avaliasse em classe. Foi ouvirmos e o texto da “dita Sabina” aparecendo …

Não me mata saber do plágio porque não sou inocente e sei que nem todo mundo tem caráter. O que me revolta é pensar no tamanho do cérebro do imbecil que plagia. Poxa, plágio para mim é atestado de incompetência, de ingerência cerebral. Quando leio algo que eu queria ter escrito, acho genial, bacana, elogio, divulgo a idéia, dou o crédito, aprendi com fulano… Penso então que preciso ouvir minhas vozes para escrever como os autores que eu gosto de ler. E nunca me esqueço de que o berço da escrita é a leitura. E não há como discordar.

Quem plagia obviamente admira ou reconhece o valor do plagiado. Mas é um tipo de admiração que nenhum autor quer ter. Na internet, com o control c e control v, tudo ficou absolutamente fácil. Em segundos, o desonesto pode ser o novo dono de suas palavras, de seu estilo, de suas idiossincrasias e de seus pensamentos publicados. Só leio blog que se respeita, só repasso mensagem com autoria publicada ou assinatura. Só escrevo o que sai de minha cabeça, de minhas emoções, de meus sentimentos e percepções.

Chateia ver o que anda acontecendo:  http://queridoleitor.zip.net/arch2006-08-20_2006-08-26.html .

Mas há solução: denúncia e processo. Todo leitor tem dever ético com o autor que admira. Aderi à campanha de denúncia e divulgação de casos como o de Miltinho

Anúncios

4 comentários sobre “Plágio

  1. Me identifico mais do que nunca com esse seu post. Se você ainda não sabe, acompanhe o escândalo que fiz começando em 31 de agosto e saiba meus motivos. Burrice, falta de competência, admiração? Não sei bem, Alena, mas plágio é uma coisa que me deixa louca da vida.

    Beijos!

    _______________________________________

    Eu fui lá e li. Plágio não tem desculpa!

  2. Concordo com sua opinião. inclusive alguns plagiadores sentem-se no direito de concorrer a processo eleitorais em universidades, e quando aparece o plágio, comentam como se fosse algo normal. Parabéns pelo texto.

    ____________________________________________

    O pior é ouvir “o que é que tem?” . Decência existe.

  3. Pingback: Fui Plagiado pela notícia “Novo roadmap para o gnome 2.20″ « DrLinux Blog

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s