Tribunal Humano

Vamos lá que o homem (Saddam) não prestava, vamos lá que foi tirano, déspota, ditador… mas não sei não quando o assunto é fazer justiça: enforcá-lo. Apagou os crimes que cometeu? Aliviou a consciência de quem?

Utopia minha é pensar em alternativas. Talvez colocá-lo para fazer costura numa penitenciária  ou para quebrar pedras  fosse mais útil e menos prejudicial à consciência alheia. Eu, sinceramente não durmo em paz por causa do enforcamento não.