Crise e caos

Este é meu exato problema.

Embriago-me deveras estudando, adoro os livros, amo-os!

Vivo mil vidas na Literatura, sofro, choro, sorrio, amo para sempre e morro. Mas chega um dia em que me dou conta de que pode ser que a vida esteja passando e eu aqui…

O que fiz? O que faço? O que farei?

Não sou nenhum eremita. Saio, passeio, me distraio. Mas meus programas são tão torta com chocolate que eu apavoro quando vejo esta Bahia fervilhando de ensaios e festas mil.  É difícil andar na contramão da história. 

_____________________________________

Créditos das imagens: http://www.magazine-litteraire.com/images/045-01-108010.jpg

http://i5.photobucket.com/albums/y170/Nimby33/Eremita_Nimbypolis.jpg

Eu quero um tempo

Eu quero um tempo para fotografar, um tempo para ler despreocupada, um tempo para vadiar…

Quero uma hora para ouvir música, duas para ver um filme, meia para tomar um sorvete…

Quero um dia para dançar, dois para o italiano, três para passear, quatro para cozinhar e cinco para malhar…

Quero uma taça com vinho, um aconchego no sofá, um beijo de amor…

Quero dinheiro na conta, reconhecimento no trabalho, prazer na vida e alegria nas horas…

E tudo ao mesmo tempo agora!