Amar se aprende amando

foto by  Alena Cairo

 

Dia dos namorados está próximo. 

Embora a data seja mercadológica, é uma delícia começar a pensar

na surpresinha que se vai ter no dia 12 de junho.

Um mês para o amor, um mês para a paixão, o abraço, o encontro e a renovação do romance e das juras de amor.  

O problema é que muita gente se desespera com o orçamento nesta época.

O que fazer de tão especial sem gastar mais do que pode ?

Afinal, ninguém quer oferecer pouco ao amor da sua vida.

A partir de amanhã e nos próximos doze dias, trarei  sugestões de presentes que caibam no nosso bolso, surpresinhas e poemas de amor.

Aguardem!

Um comentário sobre “Amar se aprende amando

  1. Ufa! ainda bem que você teve essa idéia..
    Deus do céu, é ótimo dar um bom presente para alguém que se ama, o ruim é achar que nada é bom suficiente para ser dado. Oo
    ô doze dias estressantes esses…
    Bjo
    __________________________________________

    Marta, no fim das contas, quando a gente ama sabe escolher exatamente aquilo que o nosso amor vai gostar. A dúvida surge porque o capitalismo-consumismo quer dar preço às relações e à intensidade do gostar.
    😀 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s