O que mais me deixa feliz…

… é acordar e perceber que a vida vale a pena, que só a mim cabe a responsabilidade pelos meus dias, pelo jeito como vou encará-los, fazer-me feliz.

É perceber que, ao longo da minha vida, estive sorrindo, estive disposta a acreditar nas pessoas, na vida e em mim mesma.

É descobrir de novo um motivo para sonhar.

É desejar o coração batendo forte e apaixonado no peito. É esperar que a festa aconteça e, se demorar, resolver fazê-la.

É tomar as providências para cuidar de mim.

Encontros especiais

Nesta semana, fui surpreendida com um e-mail que me fazia um convite interessante. Era a Gabriela do blog Episódios me propondo um encontro para me conhecer. Ela estaria na faculdade e marcamos para bater um papo. Sabe lá a impressão que ela ficou de mim, porque fui como sou: falei pelos cotovelos, tagarelei a metade de minha vida ( a outra metade está aqui), dei risada à vontade e fiquei futucando uma micro espinha o tempo todo.

Posso dizer que a Gabi é um amor. Tem um papo interessante, é sagaz e divertida.

Eu preciso pedir desculpas porque costumo ser pontualíssima, mas, neste dia, me atrasei.