Providências

Um dos maiores sustos que você toma quando se descobre grávida é a percepção de quanta tralha carregou na vida e a tarefa hercúlea que será se livrar dela agora. Sim , porque os espaços para o novo precisam ser abertos.

Anúncios

7 comentários sobre “Providências

  1. Seu imeio mudou?
    Tenho uma LISTA de dicas pra te mandar! ;o)

    __________________________________________________________________________

    Tia Cam, ‘imeio’ mandado! Urgem notícias suas… sua lista vai ser muuuuuito necessária!

    Vai haver castelinho nas areias de Arembepe então. 😉

  2. adorei nossa foto aí em cima 🙂

    adorei a novidade. Meus parabéns!Acho que vc será uma mae fabulosa. Beijos

    _______________________________________________

    Você sumiu… Entrei em contato diversas vezes… mas sumiu.
    Serei fabulosa porque contarei muitas histórias (risos).

    Beijo e obrigada

    😉

  3. “mãe como seria ter um filho
    saber passo a passo da geração
    a alegria do parto
    cuidado pela fêmea
    que a todo nós segura
    engravidado por ela
    da relação da paixão mais pura
    mãe como seria ter o filho?…[Grávido, Gonzaguinha]”

    Alena, essa gravidez é metafórica né? “Sim , porque os espaços para o novo precisam ser abertos.”

    beijão

    ____________________________________________

    Guilherme, a hipérbole da minha barriga está crescendo!

    Beijos

    Alena

  4. Parabéns, você será uma mãe angelical.
    abraços,
    Chica.

    ______________________________________

    Chica, você é sempre um amor, uma delicadeza em pessoa. A vida me deu sorte de colocá-la em meu caminho um dia. Um beijo enorme e prepare-se para ser titia (ahahha)!

    Alena

  5. Alena querida:
    Estou aqui para ver, assuntar, ver se sinto cheiro de vida nova…mas o que é que estou dizendo?
    Ah! sim, é que quero pedir que nem *ouse* me deixar sem notícias, viu?
    Voc~e escreve poeticamente e é lindo, mas eu quero também coisas clínicas hohoho.
    beijos, muitos beijos.
    Te amo;-)
    Beijos enviados também direto ao meu sobrinho ou minha sobrinha.
    Ande, se avie, minha filha, que quero saber de tudinho.
    Tia Meg

    ____________________________________________________________________

    Tia Meg linda,

    não ousarei, nem se preocupe. Só estou decidindo se virá outro blog ou se fica tudo por aqui mesmo. Não estou querendo que fique monotema(risos). Porque dá uma vontade de escrever tudo que você não imagina. Deixa eu amadurecer a idéia e o tempo que… lê, lê , lê, lê… a escrava aqui está dando aulas demais.

    Vou temandar notícias melhores.

    Mais detalhadas.

    Beijos, linda! 😉

    Alena

  6. é amiga, aberturas e mais aberturas… conceitos despencam… conta bancária arromba… valores mudam… coisas, muitas delas, perdem a importância. um sofá? deixa pra lá! um bibelô? deixa pra lá! um tapete de kilim? deixa pra lá!

    as coisas saem do lugar e se tornam invisíveis para o novo que chega, sorrindo ao dormir – feito anjo – e chorando bravamente, para dizer que ali está…

    e a gente vai aprendendo a ser mãe ao mesmo tempo em que eles vão aprendendo a ser filhos, numa história sem-fim e com cada vez mais aberturas… para novos conceitos… novas posturas… novos diálogos… nova visão de mundo!

    Aleluia!

    Que venha em boa hora e saúde para todos!

    bjao soll

    “filhos se não tê-los como sabê-los?” vinicius

    _______________________________________________

    Oi, Sol! Que lindo o que você escreveu! Emocionou-me, juro. Tão sensível e real! Ai, ai… tomara que o segundo semestre chegue logo (risos).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s