Novidades e tal

A barriga está tão grande, mas tão grande, tão grande que não me deixa dormir mais direito. Não agüento ficar muitas horas na mesma posição. Vira daqui e dali e, de repente, a menininha resolve esmagar meu diafragma ou meus pulmões e acordo com falta de ar e taquicardia. Aí já era. Nada de dormir mais. Ontem, acordei às 4h35 (fui dormir à 1h). Hoje, acordei às 5h (fui dormir meia noite). Amanhã, não sei. Sei que vou dar uma canseira nela. Só vou deitar quando não agüentar mais.

Estou a pensar como é que os barrigudões de cerveja vivem. Que lesões na coluna eles têm. Não é possível que agüentem tanto tempo na vida com o barrigão.

Mas olha que eu estou feliz e curtindo tudinho. O quartinho não sei a troco de que mágica já está com aquele cheirinho delícia de neném. E eu não coloquei perfuminhos nem nada. As roupinhas, coitadinhas, ainda não podem cheirar a ‘comfort’ que o hospital recomenda trinta mil vezes nada de cheiros por causa da possibilidade de alergias. Tudo lavadinho com sabão de coco. Só. Que não tem cheiro delícia de nada. Mas de repente, bem de repente, o último mês chegou e de mansinho o cheirinho de bebê já impregnou todo o guarda-roupa dela.

Domingo, eu faço 33. Nem me preocupei com os 33 porque a semana 36 já chegou. Esta foi a contagem que andei fazendo nos últimos meses. Pela primeira vez na vida, meu aniversário não foi o tema nem a prioridade. “Filhos”. É assim que estou descobrindo esta história de deixar de ser o centro de minha própria vida.

8 comentários sobre “Novidades e tal

  1. Alena, estou maravilhada com os textos sobre a gravidez…de fato, dever ser um momento sublime. Toda a espera, planejamentos, enxoval, cheirinhos, lembranças do que ainda nem aconteceu…espero que ela só traga mais felicidade, amor e risadas tão gostosas quanto o do vídeo lá de baixo, não tem recompensa maior! Felicidades!

  2. Senti paz lendo seu texto! Fico muito feliz por sentir que está tudo bem pelos seus lados. Quanto aos incómodos do barrigão… já se sabe que é para acentuar o bom que é tudo o mais 🙂

  3. Vixe, que deve estar toda orgulhosa,com esse barrigão lindo! Aproveita o barrigão, que a menininha tá chegando…
    Como eu ainda não tenho filhos, não sei a sensação. Mas as minhas amigas que já passaram pela experiência dizem que o barrigão deixa saudades, todas elas sentem falta da barriga depois do parto.

    Bjssssss,
    Martinha

  4. Ah, a sábia natureza nos prepara…No começo da gravidez, eu durmia muito. Sabe Deus que nunca mais tive sono igual. Na ultima semana, mal dormia, já sendo preparada para amamentar muito e dormir quase nada. Beijos, querida, força na peruca!!!

  5. Oi miga!

    tão lindo esse teu texto, me fez até chorar sabia? ando emotiva demais esses dias…pois é, chato sair de casa, né? ter filho adolescente é uma barra, mas não te grile não com esse tipo de problema, é como tesão, querida: dá e passa! rrrs ontem a minha filha entrou maus e foi direto pro quarto dela. senti que o grilo dela era fumo. então eu falei prá ela “filhinha, fume mas não durma. se já acabou do bom , então fume tabaco mas não não durma tá?” aí ela falou “mãe, num acabou não, ainda tem, quer?” aí eu fiquei na maior dúvida do tipo quero ou não quero? rrsss aí a bacurinha falou mais forte, eu fiz que fui e não fui e acabei fondo… me entreguei!!! na maior !!!. rrrss

    bjjões!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s