Aberta a temporada de visitas

Sim, a partir de agora, quando eu já estou menos ‘traumatizada’, mais ajustada à nova vida e ciente das limitações que um bebê impõe, sim, agora sim: nós já podemos receber visitas.

Que venham os familiares cheios de amor,

que venham os amigos cheios de ternura e votos de felicidade,

que venham os que estão em nossos corações para partilhar da nossa alegria.

Sim, venham, mas avisem, confirmem, cumpram o horário. Mamãe, papai e filhinha precisam dormir e descansar; às vezes, precisam somente estar em casa em paz (leia-se sozinhos).

Não façam muito barulho (irrita os pais mais que os bebês), não tragam muitas crianças, não levem um dia inteiro visitando.

Bem- vindos aqueles que amamos, aqueles de quem gostamos, aqueles que se alegram conosco, aqueles que são nossos amigos. Bem-vindos.