Eu não mereço

Eu queria estar no tempo em que mães cuidavam dos filhos, juro. Não estou.

Saio de casa para o trabalho em um horário remodeladíssimo para a cria ficar o mínimo tempo longe de mim. Desisto de um emprego. Agora não são mais dois.

Informo e educo a cuidadora e a outra, a de casa, para que façam as coisas conforme aprendemos ser o certo: higiene, fraldas, banho, roupinhas, choros, fome, manhas e coisa e tal.

Então volto mais cedo do trabalho e descubro as duas dando comidinha à bebê ao som de “tchuco gostoso”.

Socorram-me.

Anúncios

6 comentários sobre “Eu não mereço

  1. Marina, vamos porque não tem jeito. Paciência. Tá, trabalhar engrandece, etc e tal… mas… o salário ó! É um momento em que ser mãe engrandece muito mais.

    Mani, é para morrer de raiva.

    Laura, acho que vou fazer outra coisa: matriculá-las na universidade (risos). Socorram-me mesmo. É triste.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s