Como arrumar a bagunça em 30 dias Dia 12

Definitivamente, hoje é dia de cuidar do veículo, se você tiver um. Procure toda a sua documentação; resgate toda a papelada referente ao carro e coloque-a em uma pasta individualizada.Confira pagamento de IPVA, seguro e parcelas de financiamento. Veja se precisa tomar providências, fazer negociações.

Observe a data da revisão: se já tiver passado, agende-a o mais urgente possível. Se ainda não venceu a data, programe-se usando a sua agenda – amiga da qual não mais se separará após arrumar sua vida inteirinha.

Troca de óleo, balanceamento, alinhamento, checagem da bateria e dos fluidos, revisão e limpeza dos bicos injetores. Observe as paletas do pára-brisa.

Cheque a chaparia e reveja os arranhões, machucados, riscos e mossas. Faça um orçamento urgente de quanto ficam os reparos em ao menos duas oficinas e na concessionária. Se não tem dinheiro por agora, faça mesmo assim. Com noção exata do gasto e com os orçamentos em mãos, saberá negociar preço e também programar-se para breve. Não se esqueça de que é seu patrimônio o veículo e que é muito gostoso tê-lo em perfeito estado também.

Agende aquela lavagem maravilhosa com direito a polimento e tudo, incluindo a aspiração. A sensação é quase 70% da emoção do carro saído  da concessionária. Aqui, em Salvador, custa R$35,00. Se o orçamento anda muito apertado, programe um domingão inútil e lave-o você mesma. Vai ficar mortinha, mas queimará calorias, evitará sujá-lo depois (só pelo trabalho que dá limpá-lo) e também se sentirá a própria mulher maravilha, capaz de tudo.

Comece também com uma caixa grande: cate tudo que estiver dentro do veículo e armazene na caixa para depois encaminhar ao devido lugar. Vai se surpreender: material de trabalho, óculos esporte, tesoura, brinquedos das crianças, papéis avulsos, capas de cds, um pen drive esquecido, bolsa, documentos fora do lugar, canetas que não funcionam, capa do som – quase nunca usada e embaixo do banco (ponha no porta-luvas), caroço de fruta, moedas soltas, um sapato, uma havaiana, copo plástico, uma peça de roupa… tem de tudo em seu veículo! Acondicione cada coisa em seu lugar, por favor! É muito gostoso entrar no carro arrumadinho, é um bom cartão de visitas. E você nem se lembrava de que ele era quase novo…

Use escovinha ou mini aspirador – se não tiver um aspirador de pó tamanho família –  para tentar remover as sujeiras, garanto que dá um belo trabalho! Tire os tapetes, lave-os bem e deixe secar ao sol, não só com a flanela. Tapete molhado em locais úmidos – como Salvador – pode lhe ofertar uma chateação extra: um mau cheiro insuportável. Garanta a lavagem em um dia de sol, se for você mesma fazê-la.

Passe uma bucha comum embebida com veja nos estofados para remover qualquer mancha de milk shake ou similar . Se forem de couro os bancos, melhor! Uma flanela úmida basta. Limpe painel, porta-luvas, câmbio, reentrâncias do veículo apenas com pano molhado. É bastante eficiente e não mancha. Sabão de coco resolve as manchinhas mais persistentes. Não se esqueça de lavar as portas por dentro. Ficam uma maravilha limpinhas.

Remova adesisvos velhos, desbotados e esfregue uma bucha simples para retirar resíduos de cola. Outra atitude simples que renova o veículo.Ah, retire aqueles enfeites que ganhou de presente e nem têm tanto a ver assim com você. Troque por outros ou deixe seu carro mais clean.

A lavagem externa é mais simples, entretanto os pneus dão um trabalhão. Se você é como eu era e não consegue entender porque limpá-los , o argumento do meu amigo Raimundo vale: equivale a você sair de roupa nova e usar sapatos sujos. Desde aquela época, eu gosto de pneus limpos! Lembre-se da postura ecologicamente correta e não gaste água demais. Balde é mais recomendado que mangueira.Se usar a mangueira, aproveite para tomar um banho com ela: vai se sentir criança de novo! Se tiver crianças: convide-as para o programa de domingo. Elas vão sentir o que você sentiu ao lavar carro com seu pai, nos velhos tempos quando os lava-jato não imperavam.

Dá muito trabalho sim, se for feito por você. Já lavei carro, o meu primeiro. É muito louca a tarefa, mas uma delícia! Coisas de mulher que gosta de carro. O atual não foi tão queridinho assim, mas sempre deixo uma parte do orçamento para a lavagem. Quando estou muito apertada, organizo por dentro o veículo e depois procedo à sua arrumação e limpeza interna. Economizo 15 ou 20 reais. Em tempo de recessão, vale.

Organize os cds da semana ou no pen drive as músicas felizes que vão alegrar você: uma recompensa pelo trabalho extra. E saia dirigindo por aí: dona de si e de sua vida. Presenteie-se passeando por aquele lugar lindo por onde há algum tempo não passa: em Salvador, vale um passeio despreocupado pela orla.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s