100 dias para mudar minha vida – Dia 26

Já se passou 1/4 do tempo e posso afirmar que eu já mudei muito: estou muito, muito, muito mais feliz e disposta. Muita coisa boa tem acontecido, apesar das dificuldades que ainda batem à porta. Em todos os aspectos.

Quanto à dieta, vai bem, obrigada. em Campinas comi tanta coisa boa! Mas não saí da linha e também bebi muitíssima água. resultado: voltei a Salvador ainda mais magra. Ufa! Hoje fui perfeita. Não saí da cota limites de pontos do VP. A única coisa que eu queria ter feito e não fiz foi ginástica. Mas arrumei a casa o dia todo. Alguma caloria se perdeu…

A excelente notícia é que Zeca e Renata do Fantástico estão assombrados com o próprio peso e resolveram publicamente fazer dieta e atividade física. Eles terão três meses . Melhor que isso para me ajudar mais ainda? O universo todo está mesmo conspirando. No trabalho, tenho uma vigilante, durante a semana, uma competição com mais duas amigas para emagrecermos e , no fb, adesão de outro amigo. Agora vai mesmo.

Três resoluções secretas hoje. Maravilhosas. Só posso contar quando o bjetivo for atingido. Guarde a curiosidade um pouco.

* * *

Como a grana ainda anda curtíssima, comprei uns adesivos bem baratíssimos e estou adesivando as paredes da casa para aguentar olhá-las até que eu as possa pintar.

* * *

Boa: consegui, finalmente!, fazer minha cama e arrumar a bagunça que estava em cima dela. Um dia dedicado a isso. Está lindinha, com meu lençol de algodão egípcio e travesseiros de pena de ganso tão macios!  Por cima, a colcha vermelha que herdei de minha mãe.

DESEJO:  comprar uma roupa de cama nova que vi no shopping. Lilás.

* * *

Fiz uma listinha básica de tudo que devo levar à academia diariamente e colei no guarda-roupa. Arrumei a malinha e vou ver quando é que vou conseguir entrar de novo.

* * *

Felicíssima com a minha maquiagem e o kit mulherzinha que tenho comprado. Meus cheiros de volta.

REVELAÇÃO: estar solteira me faz economizar muitão! Meus cremes, só meus. Tudo meu.

* * *

Apaixonada pela vida, pela minha filha e pelas oportunidades que me tem aparecido. E por meus sonhos. E por meu trabalho.

* * *

100 dias para mudar minha vida – Dia 25

Conferência AASSA – EAC Campinas.

Oportunidade maravilhosa que veio muito no momento certo dos meus planos para mudar minha vida. Não me inscrevi para apresentar trabalho este ano, porque queria sentir todo o ambiente, mas, nas próximas, com certeza!

Vontade muito grande de participar de umas 5 atividades acadêmicas pelo menos. Bem vinda, Alena, à sua própria vida!

* * *

A descoberta de uma amiga maravilhosa, sensível, delicada, gentil e generosa, além de fiel e torcedora mor para que minha vida dê toda certo. Tem coisa melhor a acontecer a uma pessoa? Tem. Viajar com ela e descobrir que convivemos com perfeição entre quatro paredes em situação de estresse numa jornada de trabalho exaustiva. Nada de brigas, nada de desrespeito, nada de invasão de privacidade. E gentilezas, generosidade. Além de cumplicidade  e sacrifícios dela para que eu fizesse uma arte. Aliás, duas.

Valeu, Quézia!

* * *

Coisa muito boa de hoje: sucesso absoluto da apresentação do trabalho de meu colega, motivo que nos orgulha e inspira no dia-a-dia.

* * *

Mais uma: formação de um grupo de discussão em Língua Portuguesa com professoras de escolas americanas. Ah, e a promessa de encontros no Rio e em Salvador. Tô dentro!

* * *

Mais? Pois eu tenho. Conheci uma menina hoje que me fez vivenciar uma história daquelas que ganham concurso narrativo. Mas só poderei contar daqui a um tempo. Vocês vão rir e deduzir que ou eu sou moleca ou maluca mesmo.

* * *

Bem vinda, Alena, de volta a sua vida de novo. Eu sou de novo aquela divertida contadora de histórias e com novidades todos os dias.

* * *

Mais outras coisas boas: que quindim e que pudim foram aqueles do almoço de hoje? Ainda bem que tirei fatia finíssima, como se fosse de frios cortados em sessão de padaria. Dava para ver o outro lado. E não repeti. Ponto certo para a minha dieta então.

* * *

Pizzaria no fim da tarde com diversos amigos de trabalho. Risada em promoção: gargalhadas por quase duas horas seguidas  e sensação maravilhosa de bem estar. Leveza é isso.

Ah, e pizza paulista.

Ai , meu deus, e ainda mais de quebra o clima maravilhoso e frio de São Paulo.

Como eu ainda quero viver em Sampa!

* * *

Mais…

Encontro inustado e  interessante no aeroporto. Uma pessoa me fez lembrar o quanto sou importante. 🙂

* * *