Não sei como!

Como uma pessoa consegue transformar uma massa italiana legítima, um molho de tomates verdadeiros com alho e o mais puro azeite numa macarronada daquelas de borracharia ou posto nordestino de beira de estrada?

Não sei.

Pergunte à minha empregada.